• EcoFolia Solidária 2024
  • Inscrições do Programa Bahia Produtiva
  • BahiaMEI - Faça sua inscrição!
  • Contracheque no ZAP
  • Portal Transparência Bahia

Artesanato

20/03/2023 15:03

Projeto Março do Artesanato encerra com sucesso de público e de vendas

Com sucesso de público e de vendas nas feiras Artesanato da Bahia e da Economia Solidária, o projeto Março do Artesanato chegou ao fim, neste domingo, depois de movimentar o Museu de Arte Moderna (MAM) nos últimos quatro dias. Cerca de mil pessoas circularam diariamente no evento, participando de uma ampla programação em comemoração ao Dia do Artesão. Além das feiras, o Março do Artesanato promoveu o 1º Encontro Artesanato da Bahia, desfile de moda artesanal, shows, exposições, workshops e oficinas.

De sexta até domingo, foram comercializados R$70.000,00 em produtos de decoração e utilitários criados pelas artesãs e artesãos de diversas regiões do Estado. Destaque para a inédita feira de Mestras e Mestres do Artesanato Baiano, que pela primeira vez reuniu os trabalhos de importantes nomes do artesanato baiano, entre eles, Joselito Pinto, Luzia Torres, José Roque, Dinoélia Andrade e Luiz Alberto Sanchez.

O secretário Davidson Magalhães, da SETRE, reafirmou o compromisso com o fortalecimento do artesanato. "Nesses quatro dias de evento discutimos políticas públicas para o artesanato da Bahia, escutando artesãs e artesãos. Promovemos oficinas, cursos sobre como precificar os produtos, como comercializar. Foi uma vitrine para o nosso artesanato que resiste, apesar do desenvolvimento tecnológico, porque expressa a cultura e a identidade do nosso povo. Queremos fortalecer cada vez mais os espaços de comercialização em parceria com o trade turístico e por meio do portal Artesanato da Bahia com georreferenciamento para o artesão".

O projeto março do Artesanato atraiu um grande público também com uma programação cultural intensa. No MAM, as pessoas que circularam puderam conferir as exposições Faces do Metal e Cachoeirana. Esta última, com roupas bordadas em chita por mulheres da associação Chitarte de Cachoeira, esteve presente no aplaudido desfile, apresentado pelo ator Sulivã Bispo e dirigido pela produtora de moda Tininha Viana. A descontração foi ainda maior com os shows de Aloísio, Lazzo, Geleia Solar, Claudya Costta e Sued Nunes.

“O Março do Artesanato teve um resultado excelente, consolidando o evento efetivamente no calendário cultural de Salvador. Além da feira, tivemos uma programação cultural intensa, com o concorrido desfile de moda artesanal, participações de artistas como Lazzo e Sulivã Bispo. O resultado foi muito bom nas vendas do artesanato e no fomento das atividades”, comemora Weslen Moreira, coordenador do Fomento ao Artesanato da Bahia.

A realização do Março do Artesanato é uma iniciativa da Coordenação de Fomento ao Artesanato (CFA), Superintendência de Economia Solidária (Sesol) da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (SETRE), em parceria com a Associação Fábrica Cultural e o Instituto Casa da Cidadania. O evento conta com apoio da Rede Bahia, Sebrae, IPAC, Secretaria de Cultura e Secretaria de Turismo.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.