• Feira de Artesanato da Bahia
  • Espaços Solidários
  • Programa de Estágio

Outros

01/09/2017 09:09

Setre participa do encerramento do projeto Empoderando Refugiadas

Um evento realizado em São Paulo, na última terça-feira (29), marcou o encerramento da segunda edição do Empoderando Refugiadas, um projeto da Rede Brasil do Pacto Global, da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) e da ONU Mulheres. Na ocasião, foram apresentados os resultados da iniciativa e lançado um minidocumentário com as trajetórias, estratégias e desafios de 10 mulheres em busca de uma oportunidade de recomeçar a vida em outro país.

A secretária do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte da Bahia, Olívia Santana, acompanhou a atividade, que reuniu refugiadas da Síria, da República Democrática do Congo, da Colômbia, da Nigéria e de Moçambique. “Fizemos boas articulações para o nosso Fórum Estadual da Diversidade no Mundo do Trabalho, que acontece nos dias 23 e 24 de outubro, com o objetivo de incentivar a inclusão profissional de grupos em situação de vulnerabilidade”, destaca.

O fórum, uma iniciativa da Setre e do Conselho Estadual Tripartite de Trabalho e Renda (Ceter-Ba), vai envolver agentes públicos, empresários, profissionais de gestão de recursos humanos, lideranças sindicais, representantes de organizações não governamentais e outras categorias para discutir a inserção de mulheres, negros, população LGBT, pessoas com deficiência, jovens e demais grupos em situação de vulnerabilidade no mercado de trabalho.

Empoderando Refugiadas

Criado em 2015, o projeto age em duas frentes, na intenção de aumentar o acesso das mulheres refugiadas ao emprego formal no Brasil. A primeira é conscientizá-las sobre seus direitos e fornecer habilidades e ferramentas para a independência e empoderamento econômico. A segunda frente do projeto diz respeito à conscientização e sensibilização das empresas que podem contratar as refugiadas.

Ascom Setre

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.