• Programa 1º Emprego
  • Banner_EspacosSolidarios

Trabalho, Emprego e Renda

16/03/2017 17:03

Setre certifica participantes de cursos de culinária

Na tarde desta quinta-feira, 16, a dona de casa Larissa Silva Simões, 25 anos, estava ansiosa para receber o certificado de conclusão do curso de Culinária do projeto Jovens Mulheres Empreendedoras. “Eu e meu marido temos um bar e, com o que aprendi no curso, quero incrementar as vendas com salgados e trufas, porque comida sempre tem uma boa receptividade entre os clientes”, contou.

Ela é uma das 76 mulheres do bairro de Cajazeiras que concluíram o curso, oferecido pela Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), em parceria com o Instituto de Inovação Tecnológica, Gestão e Desenvolvimento Social (IADES). Além de aprenderem a confeccionar doces, salgados, acarajés e abarás, as participantes tiveram aulas sobre temas como higienização de alimentos, atendimento ao cliente e empreendedorismo. O curso, com carga horária de 120 horas, foi realizado entre os meses de dezembro e fevereiro.

“O nosso objetivo é contribuir no empoderamento das mulheres, a partir de sua autonomia financeira. Espero que esse seja só o início e cada uma das participantes continuem se qualificando cada vez mais”, afirmou coordenadora de Relações do Trabalho e Documentação da Setre, Jessevanda Galvino, durante a cerimônia de certificação.

Novas oportunidades

A possibilidade de ampliação da renda deixou a vendedora autônoma, Dinalva dos Santos, 53 anos, animada. “Já trabalhei como ajudante de cozinha e já tive barraca de lanche, mas não havia feito curso antes porque não tinha condições de pagar. Então, pra mim foi uma oportunidade muito boa que foi aberta e agora pretendo fazer salgados e pães para vender”, destaca.

Já Cláudia Oliveira Cardeal, 38 anos, que vende salgados na própria casa, encontrou no curso uma possibilidade de aperfeiçoar os conhecimentos e melhorar a produção “Eu achei maravilhoso, foi mais um aprendizado que eu conquistei. Tinha feito um curso de doce e salgado e esse foi mais uma complementação pra minha atividade. Aprendi a fazer cocadas e vatapá que eu não sabia e acho que vou diversificar os produtos que vendo”, explicou.

Jovens Mulheres Empreendedoras

Desenvolvido pela Setre, o projeto tem como objetivo proporcionar a emancipação e autonomia financeira de jovens mulheres em situação de violência, através de formação cidadã, aliada a uma capacitação técnica profissional para potencializar sua inserção produtiva, especialmente em atividades empreendedoras geradoras de renda. Além e Cajazeiras, o projeto realizou cursos nos bairros de São Gonçalo, Fazenda Coutos, Paripe e Mussurunga, com um total de 240 alunos, nas áreas de alimentos, beleza e estética.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.